Para não fechar, quartel passará a atuar apenas com dois bombeiros em Dois Irmãos

Quartel de Dois Irmãos tem dois caminhões, mas com pouco efetivo, haverá bombeiro para dirigir somente um

Dois Irmãos – Moradores entraram em contato com a redação para questionar o motivo das ligações de emergência para os bombeiros de Dois Irmãos estarem caindo na Central de Novo Hamburgo e não no quartel dois-irmonense. Procurado, o comandante da corporação, sargento Cassius, informou que esta é uma maneira de reaproveitar melhor o pouco efetivo de serviço. Ou seja, quando os bombeiros precisam sair para atender e não fica bombeiro no quartel, a central passa automaticamente as chamadas para Novo Hamburgo. “Assim, a comunidade não fica desguarnecida no telefone”.

O baixo efetivo é em razão da queda do repasse de horas extras do Governo do Estado. Neste mês, o quartel dois-irmonense recebeu a metade das horas extras e, com isso, o efetivo está sendo reduzido pela metade. Ou seja, de quatro militares, cada turno terá dois militares apenas até o final do mês. A mudança começa nesta quarta-feira, dia 16, a partir das 19 horas. Essa foi a alternativa para não fechar o quartel, como poderá ocorrer em outros corporações. À noite e nos finais semana, haverá apoio de voluntários, que também está com quadro reduzido.

SERVIÇO PREJUDICADO

Com somente dois bombeiros militares de serviço, o trabalho em Dois Irmãos, Morro Reuter e Santa Maria do Herval estará sendo prejudicado. Ocorrências de resgate em ferragens, afogamento ou incêndio, terão o atendimento inicial dos dois profissionais até que chegue apoio da região. Um episódio semelhante já ocorreu há cerca de 1 ano e meio, mas o quartel chegou a ser fechado. Desta vez, ainda não há rumores de que o quartel seja fechado, mas que atue com a metade do efetivo.

Leia também:
“Ficamos chocados com o efeito da droga neste caso”, diz delegada de Dois Irmãos
Rapaz sob efeito de cocaína tentou matar idoso em Dois Irmãos