Padrasto acusado de matar menino de 2 anos é preso

Santa Cruz do Sul – Uma denúncia anônima foi determinante para a Brigada Militar prender o homem acusado de matar o enteado de 2 anos, segundo o Portal Arauto.

Jonatas Gomes de Melo foi preso na noite de ontem, depois que a Justiça sua preventiva. Ele foi encontrado na casa de um familiar, na rua São Tiago, Loteamento Beckenkamp.

De acordo com a Polícia Civil, Enzo Gabriel Quintana Dilemburg, foi morto devido a politraumatismos originados de agressões provocadas pelo padrasto. Ainda conforme o Arauto, a criança teve uma costela fraturada, estava com sinais de esganadura, além de hematomas pelo corpo e rosto. O crime aconteceu no início da semana, em Encruzilhada do Sul.