Estância Velha – O trabalho da equipe da Polícia Civil segue intenso para concluir a investigação das mortes do ex-prefeito Elivir Desiam, o Toco, e da namorada Lúcia Bialoso Valença, ocorridas no último sábado de 2018. O delegado Fernando Branco, que está à frente da investigação, informou no final da tarde desta sexta-feira, dia 11, que a delegacia já recebeu os extratos das ligações do telefone celular do ex-prefeito. O material foi conseguido através de ordem judicial e, além de confirmar as ligações feitas para a ex-mulher Sueli Lopes e o ex-coordenador de campanha, Maicon Schuh, Toco também ligou para uma terceira pessoa na manhã de sábado, antes de ser encontrado morto no Litoral Norte, em Imbé. “A chamada tem 32 segundos. Vamos ouvir essa pessoa para saber maiores detalhes”, revela o delegado, sem apontar maiores informações para não atrapalhar o andamento da investigação. “Com os extratos, conseguimos saber todo o percurso de Desiam desde o dia anterior. As ligações do celular dele também conferem com os depoimentos já prestados na delegacia”, disse o delegado.

Os extratos das ligações do celular de Lúcia também foram recebidos pela polícia, mas não trazem novidades ao caso, só confirmam as informações já apurados pelos policiais.

Os indícios apontam cada vez para a suspeita inicial, de que Toco matou a companheira em Estância Velha e depois cometeu o suicídio em Imbé.